Página inicial

Notícia > Brasil

  • 16.10.2020 - 07:03

    Jair Bolsonaro sanciona a recriação do ministério das Comunicações

    Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte

    O Mi­nis­tério das Co­mu­ni­ca­ções teve o seu res­sur­gi­mento con­fir­mado. Nesta quinta-feira (15 de ou­tubro), o pre­si­dente da Re­pú­blica, Jair Bol­so­naro, san­ci­onou a re­cri­ação da pasta. O texto foi pu­bli­cado na edição de hoje do Diário Ofi­cial da União. Ao no­ti­ciar a pu­bli­cação no DOU, a Agência Se­nado des­taca que  o Mi­nis­tério das Co­mu­ni­ca­ções está es­tru­tu­rado com três se­cre­ta­rias: Ra­di­o­di­fusão, Te­le­co­mu­ni­ca­ções e Es­pe­cial de Co­mu­ni­cação So­cial. Essa úl­tima es­tava vin­cu­lada à pre­si­dência da Re­pú­blica desde o início do man­dato de Bol­so­naro.

    A sanção pre­si­den­cial en­cerra as etapas para a ofi­ci­a­li­zação da re­cri­ação do Mi­nis­tério das Co­mu­ni­ca­ções. O setor foi des­mem­brado da pasta de Ci­ência, Tec­no­logia e Ino­va­ções em junho, por meio de MP. Para o co­mando da área, o pre­si­dente es­co­lheu o de­pu­tado fe­deral Fabio Faria (PSD-RN).