Página inicial

Notícia > Diversos

  • 05.10.2020 - 07:00

    curiosidade dos produtos prometem devolver a virgindade

    Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte

    Um dos maiores hits da rainha Madonna, Like a Virgin, fala sobre se sentir virgem de novo. Da música pop pra vida real, hoje existem produtos em sex shop físicos e on-lines que prometem trazer essa sensação de novo.

    Marlon Mattedi, psicólogo especialista em sexualidade da Plataforma Sexo sem Dúvida, explica que esses produtos são como géis ou colas que deixam a vagina mais apertada, como se nunca tivessem tido uma relação sexual. 

    “Ser virgem significa que você não teve contato sexual ainda. Uma vez que o contato sexual já ocorreu, que você já conhece o que é sexo. Independente da forma praticada, você já não é mais virgem. Nas fêmeas dotadas de hímen considera-se que o rompimento dele significa que a mulher não é mais virgem, mas nem isto é uma consideração correta. Porque é possível ter contato sexual, penetração inclusive, e muitas vezes o hímen não ser rompido”.  

    Não é tão bom quanto parece

    O especialista explica que esses produtos são muito fáceis de serem encontrados e como eles funcionam. Os valores variam de R$ 20 a R$ 100. “O que eles fazem é gerar a sensação de dificuldade maior na penetração, mas não voltam à virgindade”.

    O que não se conta sobre esses géis e colas adstringentes, que prometem contrações e apertos, é que eles agem inclusive sobre a lubrificação da vagina, provocando ressecamentos. “Em uma penetração sem muita lubrificação dá a sensação de um canal mais apertado. Mas não, o canal continua o mesmo, só ficou mais difícil penetrar”.

    Além de possivelmente ser dolorido para a mulher, pode também doer para que penetra. Afinal, imagine uma penetração sem lubrificação e ainda ter que forçar. “Se você sente que tem a vagina ‘larga’ por isso quer usar o produto,  o ideal é buscar um ginecologista, ou um fisioterapeuta uroginecológico, para uma avaliação. Porque não são produtos passados na vagina que resolverão esta sensação e sim exercícios programados e feitos para a sua saúde íntima e sexual”.

    Fonte: undefined – iG /VAVADALUZ