Página inicial

Notícia > Política

  • 23.01.2020 - 08:48

    Campanha "Meu Corpo Não é Sua Folia" será lançado no próximo dia 5 no Espaço Cultural

    Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte

    A Campanha “Meu Corpo NÃO é sua Folia”, pela conscientização do respeito à mulher e no combate à importunação sexual, promovida pela Rede Estadual de Atenção à Mulher, será levada aos blocos carnavalescos do Folia de Rua de João Pessoa. No início da semana, os integrantes da Rede, entre eles a deputada estadual e presidente da Comissão dos Direitos da Mulher na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Camila Toscano (PSDB), discutiram a implementação da campanha com a representante do bloco Muriçocas do Miramar, Marília Rosado Maia.

    “Estamos discutindo a implementação da campanha com todos os representantes de blocos e hoje firmamos um compromisso com o maior bloco de arrasto da Paraíba que é o Muriçocas do Miramar. Esse é um tema importante e tem que chegar até as ruas e as festas carnavalescas. Não podemos admitir que as mulheres sejam importunadas ou até mesmo agredidas, principalmente durante as festas carnavalescas. Tenho certeza que assim como o Muriçocas, os outros blocos também vão aderir a essa campanha”, destacou Camila.

    De acordo com a deputada, o lançamento oficial da campanha “Meu Corpo NÃO é sua Folia” acontece no dia 5 de fevereiro, no auditório da FUNESC, no Espaço Cultural, às 09h. “Estamos conversando com os representantes dos blocos antes para que no dia do lançamento já termos um mapeamento e as estratégias de abordagens prontas”, revelou Camila.

    Estiveram presentes Valberto Costa Lira, Procurador de Justiça; Caroline Freire Monteiro da Franca, Ismânia do Nascimento Rodrigues Pessoa Nóbrega, Rosane Maria Araújo e Oliveira, Rogério Rodrigues Lucas de Oliveira, todos Promotores de Justiça; além de integrantes do Núcleo Estadual de Gênero do Ministério Público do Estado da Paraíba, Graziela Queiroga Gadelha de Sousa; e a Juíza Coordenadora da Mulher em Situação de Violência Doméstica do Tribunal de Justiça da Paraíba.

    Também participaram Maísa Félix Ribeiro de Araújo, Coordenadora das Delegacias Especializadas da Mulher; Renata de Almeida Matias, Sub-Coordenadora das DEAMS; Lídia Moura, Secretaria Estadual da Mulher e da Diversidade Humana; Izabelle Ramalho, OAB-PB, Ana Beatriz Eufrauzino de Araújo, advogada, secretária geral da comissão de combate à violência e Impunidade contra a Mulher da OAB-PB; Francisca de Fátima Pereira Diniz, Defensoria Pública; Nanci Tavares Vieira e a Capitã Dayanna, responsável pela Patrulha Maria da Penha.